247 – Uma ala do MDB entrou na Justiça para anular a convenção do partido, prevista para o próximo dia 27, quando a legenda confirmará a candidatura da Senadora Simone Tebet (MS) à presidência da República. O pedido de anulação foi apresentado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta segunda-feira (25).

No documento, o partido afirmou ser uma “grave irregularidade” ao estabelecer que a reunião será virtual.

“O edital de convocação, ao prever a realização da reunião por meio da plataforma ‘Zoom’, reveste-se de grave irregularidade, notadamente relacionada à garantia do sigilo do voto, representando violação às disposições estatutárias do MDB”.