Uma carteira com R$ 940 foi encontrada no lixo por um gari que fazia a coleta em Florianópolis na última semana. Marcos da Silva percebeu que os pertences, que incluíam documentos, estavam em nome de um homem iraniano chamado Amir Farokhdad e começou procurá-lo na internet. Embora o proprietário não estivesse mais no Brasil, o item foi entregue a um amigo do turista.

Marcos achou Amir em uma rede social no mesmo dia, em 20 de junho, e mandou mensagens em português e persa, com auxílio de um tradutor online. O turista agradeceu e indicou um amigo da capital para receber a entrega. O gari foi de moto até o Bairro Tapera, no Sul da Ilha, levar os pertences. A história foi divulgada pela prefeitura nesta quarta-feira (29).

“Na hora que caiu do contentor, parecia que [a carteira] estava dizendo: ‘Estou aqui’. Nesse dia, eu estava precisando de dinheiro, não tinha R$ 1 no bolso, mas não ia ser com esse dinheiro que eu ia resolver as coisas”, disse.
Marcos mora em Palhoça, na Grande Florianópolis, e tem uma filha de 2 meses. “Eu devolvi porque tinha dono e tenho esse pensamento que, o que não é meu, não faz bem pra mim”, comentou.MAIS >