Foto: Thomas Bruno Oliveira

Policiais civis da 96ª Delegacia de Polícia (DP de Parelhas) deram cumprimento, nesta quinta-feira (30), a dois mandados de prisão definitiva, decorrente de sentença condenatória, em desfavor de um homem de 54 anos e de uma mulher de 44 anos. O casal, detido em Parelhas, foi condenado pela prática do crime de estupro de vulnerável, praticado contra a filha; no início dos crimes sexuais, a vítima tinha somente 7 anos.Ele foi condenado pela prática do estupro de vulnerável e ela pela omissão (como é genitora, no caso a omissão se iguala à conduta de ter praticado). Os mandados foram expedidos pela Vara Única da Comarca de Parelhas, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN).

Eles foram conduzidos até a delegacia e encaminhados ao sistema prisional, onde permanecerão à disposição da Justiça. A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Blogue do Daltro