Foto: João Gilberto

O deputado estadual Coronel Azevedo (PSC) voltou a fazer críticas ao pré-candidato à presidência, Luiz Inácio Lula da Silva. Na manhã desta quinta-feira (3), durante entrevista ao Tribuna Livre, programa da Jovem Pan News Natal, o parlamentar afirmou que não desculparia o presidenciável por ter falado que Bolsonaro “não gostava de gente, e, sim, de polícia”.

“Eu creio que Lula não anda bem do juízo. Um dia ele pede apoio do segmento cristão, no outro defende o aborto. Um dia ataca a polícia e já era de se esperar. Polícia é polícia e bandido é bandido, ele não está do nosso lado. Eu não aceito seu pedido de desculpa, Lula. Nós sabemos que é cada um no seu quadrado”, respondeu.

O parlamentar reforçou uma publicação feita por ele nesta segunda-feira. Em seu perfil no Twitter, o deputado afirmou que não desculparia Lula pelo o que tinha falado no último sábado (30), durante evento em São Paulo. A fala do petista repercutiu nas redes sociais, e no dia seguinte Lula se desculpou publicamente aos profissionais da segurança do Brasil.

Tribuna do Norte