O Presidente Jair Bolsonaro conseguiu virar o quadro geral e passar a liderar nas intenções de voto no estado de São Paulo (SP) graças ao mesmo fenômeno observado no cenário nacional: a disparada da preferência pela reeleição do candidato do PL entre eleitores de 25 a 59 anos. Nos últimos levantamentos realizados no estado pelo Paraná Pesquisas, em abril, Bolsonaro ganhou 7 pontos, em média, em relação ao desempenho corrupto Lula (PT) nessa faixa etária, a mais populosa da população.

Eleitores de 25 a 59 anos são mais de 22 milhões dos 33,5 milhões de votos do estado de São Paulo, o maior colégio eleitoral do País.

O petista investe todas as fichas (e até por isso) tem vantagem entre jovens de 16 a 24 anos, que eram crianças quando a Lava Jato estourou.

O petista lidera, por pouco, entre eleitores acima de 60 anos, mas, somados aos jovens, representam cerca de 10,7 milhões de eleitores.

O Paraná Pesquisas ouviu 1.820 eleitores em 78 municípios entre 27 e 31 de março e 24 e 29 de abril: BR-002214/2022 e BR-07854/2022.

Cláudio Humberto