O presidente Jair Bolsonaro (PL) assinou decreto que cria a Medalha do Serviço Militar. A condecoração é destinada a quem tenha prestado contribuições ao serviço militar ou “apoiado o Ministério da Defesa no cumprimento de sua missão constitucional”.Podem ser homenageados com a medalha militares das Forças Armadas, da ativa ou na inatividade; civis nacionais; militares e civis estrangeiros; policiais e bombeiros militares; organizações militares e instituições civis nacionais. A premiação será concedida por ato do Ministro da Defesa.

Agora, cabe ao ministro Walter Souza Braga Netto editar os atos complementares necessários à implementação da condecoração. A pasta já contava com cinco medalhas de honraria: a Ordem do Mérito da Defesa, a Mérito Desportivo Militar, a Medalha da Vitória, a Medalha do Mérito Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas e a Medalha Marechal Cordeiro de Farias.MAIS >