Foto: Jair Amaral/EM/D.A Press

O escritor, jornalista e um dos fundadores do PDT, José Maria Rabelo, morreu na madrugada desta quarta-feira (29.dez.2021) em Belo Horizonte, Minas Gerais, aos 93 anos. Rabelo estava internado há cerca de 1 mês no Hospital Felício Rocho. A causa do óbito foi falência múltipla de órgãos.O velório será realizado na Casa do Jornalista, na Avenida Álvares Cabral, no Centro da capital mineira, das 14h às 20h. Viúvo, Rabelo deixa 6 filhos.

José Maria Rabelo nasceu em Campos Gerais, no Sul de Minas, em 1928. Fundou o jornal Binômio: Sombra e Água Fresca em 1950. Defensor da democracia, o jornal circulou até 1964, durante a ditadura militar, até que Rabelo foi exilado.

O jornalista se mudou com a família para o Chile e depois para a França. Nos 2 países, abriu uma rede de livrarias.

Rabelo foi presidente do PDT mineiro durante 18 anos. Também atuou como vice-presidente do Banco do Estado do Rio de Janeiro nos governos do ex-governador fluminense e co-fundador do PDT, Leonel Brizola (1983 a 1987 e 1991 a 1994).

Poder360