Fizemos uma visita à sala de Atendimento Educacional Especializado (AEE) no nosso município. Estive ao lado das professoras Darlice e Eleika, e da secretária de educação Luciene.
As salas de AEE foram criadas para checar se existem barreiras de aprendizagem, ou seja, não atende apenas à jovens com deficiência, mas sim, podem servir para crianças que são capazes de ir além, que possuem altas habilidades ou são superdotadas.
No município, a sala de AEE irá servir de apoio para a sala de aula comum e esses jovens poderão receber um atendimento especializado e desenvolver melhor as suas habilidades. Portanto, é de grande importância o que vem sendo feito e a expectativa é de melhorar cada vez mais. Conto com o empenho dos profissionais envolvidos.

Abraços, Sael Melo.