Foto: Reprodução/Vídeo SINMED-RN

Em visita de inspeção no Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró, o presidente do Sindicado dos Médicos do Rio Grande do Norte, Geraldo Ferreira, e o delegado regional do SINMED-RN, Ronaldo Fixina, ficaram surpresos com as irregularidades constatadas na unidade hospitalar da maior cidade do Oeste.


De acordo o médico Geraldo Ferreira, o tomógrafo está quebrado, pacientes de neurocirurgia estão esperando por vários dias para um serviço privado realizar uma tomografia que vai permitir o paciente ser operado, como também ficou constatada a falta de insumos básicos, deixando uma criança sem acesso a um cateter venoso para receber soro na veia, além da falta de anestésico local e fios para cirurgia vascular.

De acordo com o presidente do SINMED-RN, essa realidade pode ser constatada nos demais hospitais públicos do Rio Grande do Norte.  (Blog de Daltro)