Só Motta e Bonavides votaram para manter o auxílio (Fotomontagem: Blog do Barreto)

Durante a votação do PL 2801/2020 os deputados federais Rafael Motta (PSB) e Natália Bonavides (PT) foram os únicos da bancada potiguar que votaram a favor da concessão do auxílio emergencial até dezembro deste ano.O PT propôs uma emenda que garantia o pagamento do benefício enquanto durar o estado de calamidade pública em decorrência da pandemia. A proposta foi derrotada por 309 votos contra e 123 a favor.

Os partidos que acompanharam a proposta defenderam que, além de garantir uma renda mínima para a população, a extensão do auxílio geraria um retorno para o Tesouro de R$ 128 bilhões em impostos.


Confira como votaram os deputados do RN:
Benes Leocádio (REPUBLICANOS) – Não

Beto Rosado (PP) – Ausente

Carla Dickson (PROS) – Não

General Girão (PSL) – Não

João Maia (PL) – Não

Natália Bonavides (PT) – Sim

Rafael Motta (PSB) – Sim

Walter Alves (MDB) – Não.

Fonte: Blog do Barreto