Foto: Sérgio Lima/Poder360

O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) termina a semana com duas derrotas na Câmara dos Deputados. Enquanto o PL (Projeto de Lei) das Fake News saiu de pauta por falta de votos e teve que ser adiado, o Congresso derrubou trechos de decretos sobre o marco do saneamento básico.

Ambos representam derrotas de grande magnitude para a gestão petista, porque mostram um descompasso na relação entre Planalto e Congresso ainda nos primeiros 5 meses de governo.

Lula ainda não conseguiu furar a bolha da esquerda e consolidar uma base de apoio no Legislativo, necessária para aprovar propostas mais complexas, como o marco fiscal e reformas. O Executivo tem mais 1 ou 2 meses para montar uma base sólida governista no Congresso antes do final da lua de mel pós-eleição, que virá acompanhado da piora da inflação e da oferta de emprego no 2º semestre.

Poder360