Fontes suspeitam que várias irregularidades foram apontadas no Processo Seletivo realizado pela Prefeitura de Ceará-Mirim (RN) que ofereceu 80 vagas. Estão sugerindo uma investigação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (RN). “Alguém precisa dar um basta nas artimanhas do Prefeito Júlio César“, comentam por lá.Coincidentemente…

… Uma série de exonerações foram publicadas no Diário Oficial dos Municípios e todos os exonerados foram “aprovados”, ou melhor, “colocados” por Júlio César nas vagas do seletivo.

Uma verdadeira forma de enganar e iludir o povo que suspeita de fraude no processo. “Não acreditem em Júlio César, é muito pior do que se pode imaginar. São fraudes, investigações, Polícia Federal, de tudo tem na gestão deste homem. Até quando fecharão os olhos para esses atos que não passam de uma farsa do prefeito para ludibriar a população?”, pergunta que se faz na cidade.

Querem que o Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte e os órgãos de fiscalização se manifestem.



CONVOCADOS:ALGUNS DOS EXONERADOS COM NOMES APROVADOS NO CONCURSO. COINCIDÊNCIA?
Fonte: RP