Foto: Reprodução/Record TV

O Balanço Geral traz o caso de uma menina de oito anos que foi baleada na cabeça na porta de casa após voltar da escola em Varginha (MG). Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Segundo testemunhas, a vítima parou em frente a sua residência e, enquanto conversava na calçada, foi atingida. Os disparos foram feitos de dentro do veículo dos criminosos.

De acordo com a polícia, os tiros tinham como alvo o irmão da garota e outros dois jovens que também estavam no local. Um deles chegou a ser atingido no ombro e na perna, foi encaminhado ao hospital e já recebeu alta.

Em seu depoimento, ele relatou que quatro homens estariam envolvidos no crime e que um deles teria publicado nas redes sociais a seguinte frase: “O carro vai passar, não vai sobrar ninguém. Pode ter criança ou o que for, vai levar”.

O policial militar Lucas William Costa comentou o caso: “Nessa rixa haviam, sim, os alvos pré-definidos. Infelizmente, a menina que foi atingida estava próxima a eles”. Após o crime, os suspeitos fugiram e abandonaram o carro em uma rua do bairro. No interior do automóvel, tinha uma porção de cocaína.

R7/ Balanço Geral