Fotos: Reprodução.

O presidente Lula (PT) fez uma declaração na terça (18) associando os jogos digitais com o aumento da violência e os ataques à escolas no Brasil. A fala repercutiu negativamente nas redes sociais e até dentro de casa: o filho do presidente, Luis Claudio, disse que o pai “generalizou”.

O empresário e preparador físico Luis Claudio Lula da Silva, filho do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, discordou da declaração do pai em uma publicação no Twitter.

“Meu pai viu os filhos e os netos crescerem jogando videogame, ele sabe que isso não nos tornou violentos, ele fez uma declaração sobre um assunto polêmico ao vivo e acabou generalizando. Videogame é muito mais que violência, é arte, é lazer, é entretenimento…”, disse o filho de Lula no Twitter.

Por Terra.