O projeto, previsto para ser iniciado, em junho do ano corrente, tem como objetivo propiciar aos idosos do Centro de Convivência Flor da Idade alternativas de melhoria da qualidade de vida e saúde, por meio de ações de promoção de inclusão digital e de saúde física e mental.