O momento contou com a participação de moradores do Pêga e Arrojado, participantes do documentário, da reitora da Ufersa Ludimilla Carvalho, do secretário Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial , Paulo Roberto e da gerente da Juventude e Igualdade Racial de Portalegre, Bianca Bessa.Solo Negro é um documentário produzido pela Ufersa que registra o cotidiano dos moradores de duas comunidades quilombolas de Portalegre, abordando a memória passada, presente e futura desses remanescentes num resgate histórico e cultural com novas perspectivas a partir do ingresso de jovens quilombolas na Universidade.
O documentário está disponível no YouTube, por meio do link https://youtu.be/U-Ud4UbP_No