Numa campanha eleitoral no passado aqui mesmo no Rio Grande do Norte (RN) os adversários do saudoso Geraldo Melo o apelidaram de: “Tamborete”.

Era o TOM que faltava para a campanha vitoriosa de Geraldo ao Governo do Estado. Ele passou a ser conhecido como: “Tamborete” pelos apoiadores.

Desacreditado nas pesquisas, Geraldo Melo virou o jogo e venceu a eleição do então adversário João Faustino (In Memoriam) por uma maioria apertada. Mas, venceu. Graças ao apelido de “Tamborete“.

Quando perguntavam: em quem você vai votar pra Governador? Resposta: No Tamborete.

A cena pode voltar a se repetir com Rogério Marinho. Quando perguntam: em quem você vai votar para o Senado? Resposta: no Baixinho.

Rogério agradece ao apelido dado por Lula na sua passagem ontem (16) pelo RN.

Fonte: RP