Foto: João Gilberto / ALRN

Em pronunciamento na sessão plenária da Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (2), o deputado Kelps Lima (SDD) anunciou que protocolou junto à Comissão de Finanças e Fiscalização da Casa, um pedido de convocação do Procurador-Geral do Estado, Luiz Antônio Marinho. De acordo com o parlamentar, o ato se dá em razão do não envio à Casa, por parte da Procuradoria Geral do Estado (PGE-RN), de documentação solicitada ano passado pela Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) da Covid-19, presidida à época pelo deputado.

“Infelizmente esse pedido está sendo feito pelo fato do procurador se negar a entregar à Assembleia Legislativa uma cópia da ação de cobrança das empresas e investigados no escândalo do roubo dos respirados na gestão do Consórcio Nordeste – ação essa que só foi impetrada após pressão da CPI. A PGE foi o único órgão do Brasil a não entregar esse documento, mesmo alegando, sempre que provocada, que iria entregar”, disse Kelps.

Segundo o deputado, até a semana passada o procurador continuava afirmando que a documentação seria remetida ao legislativo, mas, hoje pela manhã, o procurador recuou e disse que a documentação não será entregue. “Que mistério é esse que o Governo não quer que a Assembleia leia uma mera ação de cobrança? Essa relação com o Consórcio Nordeste é misteriosa. Aqui para nós, se estivesse tudo certo com essa ação de cobrança, estariam aqui agora contando vantagem e invertendo a narrativa de que resolveram tudo”, questiona.

Fonte: Blog de Daltro