Foto ilustrativa

Policiais Militares do Rio Grande do Norte (RN) recebiam em mãos, a cada dia de serviço, 2 vales- alimentação, no valor de R$ 11 reais cada. A categoria há muito tempo lutava para que o vale-alimentação fosse implementado direto na conta do policial.

Atendendo ao anseio da categoria, o Governo de Fátima Bezerra determinou a retirada do pagamento dos vales em mãos, para que os policiais recebessem o valor direto na conta bancária.

Sendo assim, o governo tirou os vales-alimentação pagos em mãos, mas não depositou os valores na conta dos policiais.

Resultado: os policiais militares estão há 19 dias trabalhando, mas sem direito as refeições, nem vale-alimentação e nem o dinheiro na conta.

Blog Nacional