As duas filhas do casal e a mãe de Manuela Josino, de 32 anos, estavam na casa e presenciaram o crime. Maciel Ramalho, 40, não aceitava o fim do relacionamento, que havia acabado há um mês.

Homem matou a ex-mulher e depois cometeu suicídio em Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Um homem matou a ex-mulher com um tiro na cabeça no início da noite desta quinta-feira (3) no conjunto Parque dos Coqueiros, na Zona Norte de Natal, e depois cometeu suicídio. O crime aconteceu na casa da mãe da mulher, que presenciou o assassinato ao lado das netas - filhas da vítima.

A mulher morta foi Manuela Josino Miranda, de 32 anos, que era gerente de uma loja no Aeroporto de Natal. O ex-marido dela era Maciel Ramalho, de 40, que era vendedor.

De acordo com a Polícia Militar, o homem chegou na casa de moto. Após o portão ser aberto, Maciel se encaminhou diretamente para a cozinha, atirou na cabeça da ex-mulher e depois se matou também um com tiro.

"Ele efetuou um disparo na cabeça e depois tirou a própria vida. Ele não aceitava o fim da relação que perdurava, entre altos e baixos, há 12 anos", explicou o soldado Rocha, da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência.


Maciel Ramalho e Manuela Josino Miranda — Foto: Divulgação

Segundos familiares contaram aos policiais, os dois estavam separados definitivamente há cerca de 30 dias. As filhas do casal têm 6 e 8 anos.

Para a Polícia Militar, o crime foi premeditado por Maciel, que chegou a ir até a casa da ex-mulher anteriormente.


Crime aconteceu nesta quinta na Zona Norte de Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

"Ele não aceitava o fim da relação. Ele teria vindo até a casa de manhã, não encontrou a vítima, brincou com a filhas e saiu. De tarde, voltou e conseguiu encontrá-la em casa", explicou o soldado Rocha.

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foi acionado para o recolhimento dos corpos e a posterior autópsia e o caso será investigado pela Polícia Civil.

Inter TV Cabugi