surto da gripe começa a preocupar os donos de bares e restaurantes, que têm percebido um aumento no volume de dispensas de funcionários contaminados.

Algumas operações já estão sofrendo para cobrir as faltas de cinco ou mais empregados ao mesmo tempo, segundo Paulo Solmucci, presidente da Abrasel (associação que reúne os estabelecimentos).

Desde a semana passada, a entidade vinha recebendo relatos de casos em bares e restaurantes de Alagoas (AL), Goiás (GO) e Rio Grande do Norte (RN), mas em uma proporção considerada razoável, segundo os empresários.

Solmucci diz que, nesta segunda-feira (27), os registros do final de semana começaram a se espalhar por capitais como Cuiabá (MT), Vitória (ES) e Belém (PA).

A situação é de alerta porque, se a onda avançar, será mais um golpe nos negócios do setor, que foram duramente impactados nos períodos mais graves da Pandemia.

Folha