A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) terá novidades em 2022. O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou oficialmente na última semana a resolução nº 886 do dia 13 de dezembro. Ela regulamenta as especificações, a produção e a expedição da CNH, que receberá atualizações no desenho. O novo modelo do documento valerá a partir do dia 1º de junho de 2022, e substituirá a atual CNH. A troca não será obrigatória, e acontecerá apenas para novas emissões e renovações a partir desta data.

A nova CNH poderá ser emitida em meio físico (ainda em papel) e/ou digital, à escolha do condutor. Dentre as mudanças, o documento passará a trazer uma tabela com ilustrações dos veículos que o motorista pode dirigir. Outras novidades são a inclusão da nacionalidade e cidade de origem do condutor, além da identificação do documento em línguas estrangeiras (inglês e francês) na parte superior.

Os códigos também passam a seguir o padrão internacional. De acordo com o artigo 3º da resolução do Contran, a Permissão Para Dirigir (PPD) e a Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC) terão o mesmo modelo da CNH. No caso da PPD, o documento passa a ter a letra “P” impressa na lateral direita do anverso da PPD, enquanto a CNH definitiva passa a exibir a letra “D” no mesmo local. A permissão para a ACC também pode ser simultânea à PPD para a categoria “B”, com validade de um ano.MAIS >