Bispo de da Diocese de Caicó (RN) Dom Antônio Carlos Cruz é incorrigível. Ele não deixa de falar em política no Santo Altar da Igreja Católica do Seridó. Virou obsessão. Fixação.

Durante a missa celebrada nesta terça Feira na Igreja de Nossa Senhora Aparecida, no Bairro Tonheca Dantas, para lembrar o aniversário de Monsenhor Ausônio Tércio de Araújo que se estivesse vivo completaria 96 anos neste dia 12, ele voltou a atacar o Governo do Presidente Jair Bolsonaro para insatisfação de muitos fiéis presentes.

Revoltados, alguns féis se retiraram. Com isso a igreja vai perdendo cada dia mais adeptos.

A igreja não é lugar de fazer política. É lugar de evangelizar. Na cabeça desse Bispo de Caicó (RN) não cabe isso. Ele, até parece, que sente prazer, em irritar quem está presente com suas homilias desastrosas.

Foi ele o autor da frase: SER GAY É UM DOM DE DEUS. Durante um sermão. Uma verdadeira aberração que contraria as escrituras sagradas.

Muitos torcem pela saída dele do comando da Diocese.  De RP