Em mensagem, a facção ameaça atear fogo em estabelecimentos e caminhões de combustível e dá prazo de uma semana para empresário

O Comando Vermelho mandou donos de postos de gasolina de Manaus reduzirem os preços dos combustíveis. Segundo o Metrópoles, a facção ameaçou atear fogo em estabelecimentos e caminhões de combustível e deu prazo de uma semana para que empresários tomem providências.
Em mensagem divulgada na noite de ontem, o Comando Vermelho diz que está do lado dos "irmãos que estão sendo prejudicados".


"O Comando pede para os safados dos cartéis de postos baixarem o preço da gasolina. Estamos dando o prazo de uma semana, estamos do lado dos nossos irmãos que estão sendo prejudicados. Se não [cumprirem], vamos botar o trem na rua e colocar fogo em postos de gasolina e caminhões."


O último reajuste nos preços foi anunciado pela Petrobras na segunda (25) e entrou em vigor no dia seguinte. O valor cobrado dos distribuidores pela gasolina passou de R$ 2,98 para R$ 3,19 por litro, uma alta de R$ 0,21.

Fonte: O Antagonista
Foto: Gazeta Brasil