Através de um vídeo publicado no canal TV Brasil, o governo federal e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) anunciaram um novo aliado para garantir a segurança nas estradas, um aparelho que deve ser utilizado para aferir o uso de drogas por motoristas.O ‘drogômetro’, como vem sendo chamado, é semelhante ao bafômetro, e analisa a saliva, podendo detectar se o motorista usou algum tipo de drogas até 48 horas após o consumo. O resultado da análise sai entre cinco e dez minutos.

Os policiais rodoviários federais já estão sendo capacitados para o uso do novo aparelho, mas, por enquanto, a ação deve ser apenas educativa, já que o equipamento precisa ser regulamentado.

Até o fim do ano, a PRF pretende testar o equipamento em 10 mil motoristas voluntários. “Fazemos um apelo aos motoristas para que, mais uma vez, contribuam com a Polícia Rodoviária Federal e com a pesquisa em geral, sendo voluntário, fornecendo material”, pediu o coordenador-geral de Segurança Viária, André Azevedo.

O investimento do governo federal será de R$ 2,5 milhões para implementação da tecnologia, e o dinheiro virá dos bens apreendidos de traficantes durante operações da Polícia.

“Os recursos desses bens são utilizados, por meio do fundo, para pesquisas que consigam resolver os problemas que existem na política de drogas do país”, apontou Gustavo Camilo Baptista, diretor de Políticas Públicas e Articulação Institucional. (Focoelho)