Foto: Getty Images

O governo federal lançou, nesta terça-feira (31), o Programa de Incentivo à Redução Voluntária de consumo de energia para os consumidores regulados. A cada 100 kWh reduzidos na conta de luz, o consumidor vai ter R$ 50 de desconto na conta.A bonificação só será paga a quem economizar entre 10% e 20% do que consumiu em relação a setembro a dezembro de 2020. O programa estará em vigor até dezembro deste ano.

Segundo o secretário de Energia Elétrica Christiano Vieira, do Ministério de Minas e Energia, o consumidor que conseguir atingir o percentual máximo, de 20%, vai economizar 29% no valor total da conta de luz. “Então, é um benefício para o consumidor“, afirmou.

O secretário comparou o valor do prêmio com o da tarifa média paga pelo consumidor e com o valor da bandeira vermelha. “A tarifa média de energia está em torno de R$ 280 o MWh. A bandeira custa R$ 142 o MWh. O bônus custa R$ 500 o MWh. Então, é quase três vezes mais”, disse Vieira.

O governo estima que a redução de demanda de energia, com o programa, seja de 1,41% do SIN, o que equivale a 914 MWmédio. Esse montante é menos de um quinto do que o sistema precisa até novembro, 5,5 GW.

Poder 360

COMENTE AQUI