O senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) entrega ao presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), na tarde desta sexta-feira (26), pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes.
O requerimento recebeu a subscrição de quase 3 milhões de brasileiros em abaixo-assinado que também deve ser apresentado hoje.

O abaixo-assinado foi criado no último dia 15, pelo comentarista da rede CNN Caio Coppolla.

A medida objetiva pressionar Pacheco a incluir a votação do impeachment e a instauração de uma CPI, chamada de “Lava Toga”, contra o ministro da Corte.

Kajuru acredita que Moraes tenha incorrido em “crime de responsabilidade” quando conduziu inquérito iniciado há dois anos no caso das supostas fake news e ameaças direcionadas aos membros do STF.

Focoelho

Considerando os erros cometidos na Corte, o senador ainda avalia que a conduta de Alexandre de Moraes é questionável e digna de CPI desde quando ocupava cargo na Secretaria de Segurança de São Paulo.

A entrega dos documentos ocorreu às 14h30, na sala de audiência da Presidência do Senado.