Trinta novos policiais militares dos Curso de Formação de Praças – CFP das turmas 2020 e 2021 pediram desligamento por falta de condições de trabalho, estrutura e logística.A desistência foi publicada no Boletim Geral da Corporação do dia 22 de janeiro de 2021. Os desistentes são 29 alunos do CFP 2020 e uma aluna do CFP 2021.

VEJA MAIS: Novos soldados dormem no chão em alojamento e cobram solução do Comando da PM