Pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) iniciaram nesta segunda-feira (5/10) os ensaios clínicos de eficácia da vacina BCG — que previne a tuberculose — contra a covid-19. Serão aplicadas doses em mil profissionais da saúde, que vão ser acompanhados para a coleta de dados para a pesquisa.Os hospitais que vão conduzir o trabalho são: Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Hospital Universitário Pedro Ernesto, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), e o Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran, em São Paulo.

Em nota à Agência Brasil, Fernanda Mello, coordenadora da pesquisa e professora de tisiologia e pneumologia do Instituto de Doenças do Tórax da UFRJ, explicou que os estudos pretendem avaliar se a vacina ajuda na prevenção da infecção e na diminuição de ocorrências graves ocasionadas pelo Sars-Cov-2.