(foto: Divulgação/Estado de Minas)

Alguns supermercados de Belo Horizonte já começaram a limitar a compra de pacotes de arroz e de óleo por cliente. Em alguns estabelecimentos, o consumidor pode levar no máximo cinco pacotes de 5kg do principal alimento da mesa do brasileiro. De acordo com a Associação Mineira de Supermercados (Amis), a prática não é ilegal e cabe a cada estabelecimento decidir a quantidade vendida para cada cliente.

Em pelo menos duas redes de supermercados no Bairro Buritis, Região Oeste da capital, a quantidade de arroz está limitada. Os preços variam entre R$ 22 e R$ 29. Em algumas regiões do Brasil, o cereal chega a custar R$ 42.

No Bairro Itapuã, na Região da Pampulha, uma rede de supermercados está vendendo apenas cinco pacotes de arroz de 5kg por pessoa. O óleo também foi limitado a 10 garrafas por cliente.(mais…)