Se não houver uma explosão no número de contaminados e óbitos por COVID-19, durante e após essa campanha eleitoral, estará comprovado: O FIQUE EM CASA ERA UMA FARSA!