Prints da conversa com o socorrista e a coordenadora do SAMU

Recebemos uma denúncia, onde relata que o serviço de atendimento móvel de urgência SAMU de Assu, esta sem a desinfecção da VTR, mesmo assim os profissionais tem que trabalhar, alguns diz que estão sendo coagidos.Um socorrista conversou com nossa reportagem via WhatsApp, veja o que disse o profissional;

“Diante este panorama que estamos vivendo, mediante o COVID estamos sendo acionados para muitas ocorrências de pacientes suspeitas como também contaminados, após cada OC é preciso fazer a desinfecção da VTR, fazia-se antes no Hospital Regional, aí agora estamos à mercê de nos contaminarmos porque não temos quem realize a desinfecção, o serviço foi cancelado mediante falta de pagamento.
Situação difícil amigo e ainda tem mais, somos coagidos, querem que realizemos a desinfecção. Quem realizava este serviço antes, era os ASG da JMT que trabalham no Regional”.

Após receber a denúncia, o site Focoelho, conversou com a coordenadora Conceição Barbalho, que confirmou que o serviço esta suspenso, veja;

“É verdade que o serviço está suspenso, só não sei qual foi o motivo, a desinfecção foi suspensa ontem, mais está previsto para retornar amanhã”.

Este é mas um descaso por parte do governo do estado, Fatima Bezerra com a população do Rio Grande do Norte.

Fonte: Focoelho