Embora 132 municípios potiguares ainda estejam com a situação de emergência em razão da seca em vigência, tem muita gente comemorando as boas chuvas que vêm caindo nestas últimas semanas, principalmente no interior. O exemplo disso, é que atualmente 12 grandes reservatórios do estado estão 100% cheios, ou seja, estão neste momento com o volume máximo de armazenamento.

Todos os 12 reservatórios que transbordaram este ano estão na lista do Instituto de Gestão de Águas do RN (Igarn), que monitora açudes, lagoas e barragens com capacidade superior a 5 milhões de metros cúbicos de água.

Mendubim, em Assu – Capacidade: 77.357.134 m³ (sangrou dia 25 de abril);
Pataxó, em Ipanguaçu – Capacidade: 15.017.379 m³ (sangrou dia 6 de março);
Lagoa do Boqueirão, em Touros – Capacidade: 11.074.800 m³;
Lagoa de Extremoz, em Extremoz – Capacidade: 11.019.525 m³;
Dourado, em Currais Novos – Capacidade: 10.321.600 m³ (sangrou dia 3 de março);
Apanha Peixe, em Caraúbas – Capacidade: 10.000.000 m³ (sangrou dia 29 de março);
Riacho da Cruz II, em Riacho da Cruz – Capacidade: 9.604.200 m³ (sangrou dia 5 de março);
Santo Antônio, em Caraúbas – Capacidade: 8.538.109 m³ (sangrou dia 18 de março);
Passagem, em Rodolfo Fernandes – Capacidade: 8.273.877 m³ (sangrou dia 22 de abril);
Beldroega, em Paraú – Capacidade: 8.057.520 m³ (sangrou dia 14 de março);
Morcego, em Campo Grande – Capacidade: 6.708.331 m³ (sangrou dia 22 de abril);
Encanto, em Encanto – Capacidade: 5.192.538 m³ (sangrou dia 7 de março).
Por outro lado, três reservatórios monitorados pelo Igarn permanecem completamente secos (0%).

(mais…)