No dia 5 de setembro, a governadora Fátima Bezerra disse algo verídico: "Estradas em boas condições promovem o desenvolvimento econômico, viabilizando o transporte de mercadorias e pessoas". Porém, a governadora petista anda na contramão de suas palavras.O descaso do Governo do Estado do RN, concernente à recuperação da malha viária da RN-404, principalmente nos trechos que ligam a Estrada da Castanha (Carnaubais-RN) e Porto do Mangue, tem atrapalhado a abertura da Refinaria Costa Branca, que pretende gera mais de 500 empregos diretos em Porto do Mangue

Seguindo a mesma linha de raciocínio da governadora petista, estradas e rodovias que não estão em boas condições impedem o desenvolvimento econômico na região. É isso que tem acontecido em Porto do Mangue, por causa da negligência do governo Fátima Bezerra, que ignora os muitos buracos e crateras, que tomam contam desses trechos.
Rodovias cheias de buracos é sinônimo de maior gasto de combustível e maiores probabilidades de danificação dos veículos. Então, é fácil concluir que "prejuízo" é uma palavra que empresários não querem em seus vocabulários.
Além dos prejuízos, há o risco de vida para os funcionários, que irão trabalhar na Refinaria, e outros usuários, que utilizam a RN-404.
Buracos na rodovia proporcionam maiores riscos de acidentes, que, às vezes, são fatais.

A governadora Fátima Bezerra abandonou Porto do Mangue e não toma as providências para os serviços de recuperação e restauração dos trechos da RN-404.
Em setembro do ano passado, Fátima Bezerra anunciou o investimento de R$ 13 milhões para sanar os buracos e outros problemas das rodovias do RN.
Em mais um dos planos mirabolantes e utópicos do governo Fátima, a proposta era que, até dezembro do ano passado, o RN tivesse "zero buracos nas estradas". Estamos em maio de 2020 e ainda vemos rodovias e estradas repletas de buracos que impedem o desenvolvimento econômico.
Hoje (6), a Prefeitura Municipal de Porto do Mangue iniciou uma operação para tapar alguns buracos da RN-404 com barro. Porém, sabemos que essa ação é paliativa. É remendar e chover que os buracos surgem novamente.
Esses trechos que ligam Porto do Mangue a Carnaubais carecem de uma ação eficaz por parte do Governo do RN, oferecendo assim condições de tráfego aos usuários.
O prefeito de Porto do Mangue, Sael Melo (MDB), tem unidos esforços para reverter esse quadro caótico na RN-404. No entanto, parece que tem sido em vão, pois a governadora Fátima Bezerra ignora a situação do município, que perde com a falta de geração de empregos.

Julysson Charles Fotos: Reprodução
BRC Notícias