Ele não aparece no Instagram do Governo do Estado, não é convocado para reuniões, não participa das entrevistas coletivas que são realizadas diariamente, não é ouvido, não é consultado, o ex-deputado estadual, o derrotadíssimo Fernando Mineiro, foi escanteado, expurgado da proximidade da Governadora Fátima Bezerra, escanteado, mais isolado que um paciente de coronavírus.Fátima sempre detestou Mineiro, tanto que impôs uma derrota fragorosa quando apoiou a então insignificante Natália Bonavides. Nem mesmo dentro do PT, o ex-deputado goza de prestígio, foi atropelado pela turma que tem mandato. A única pessoa fiel dentro do partido é a vereadora de Natal Dinaveide Basílio.
Mineiro está cabisbaixo, nunca imaginou que quando o partido dele assumisse o governo não teria protagonismo. Produz fogo “amigo” contra a companheira Fátima, não esquece a punhalada que levou pelas costas, tem dias de amargura. Ainda terá que sobreviver por longos 2 anos até 2022 para tentar retornar a Assembleia Legislativa. Vai concorrer com muita gente nova dentro do partido.

De GustavoNegreiros