Mesmo denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF-RN) relatos de servidores do DNIT apontam que o deputado federal João Maia (PL) continua indicando cargos no órgão. João Maia e mais 10 pessoas foram denunciados por envolvimento no esquema de corrupção que reunia (entre os anos de 2009 e 2010) integrantes da Superintendência do Dnit no Rio Grande do Norte e representantes de construtoras. Os 11 foram alvo da Operação Via Trajana, e que resultou no desdobramento da Operação Via Ápia, deflagrada em 2010.

Do rnpotiguarrnnews