A Guarda Municipal da cidade de Lagoa de Pedras, cidade distante 57 quilômetros de Natal prendeu na noite desta terça-feira (02), o desempregado Ricardo Pereira Bezerra, de 35 anos. O morador de Natal é o principal suspeito de ter assassinado a companheira, Gisélia Silva, de 32 anos, no dia 10 de Dezembro de 2018, dentro de casa, na rua da Fé, no bairro Felipe Camarão. Ricardo confessou o crime.

De acordo com o Sargento Assis, comandante da Guarda o suspeito estava escondido em um local conhecido como “Casa de taipa”, próximo ao centro da cidade. “Já tínhamos informações sobre o indivíduo e que ele estava na cidade. Fizemos algumas buscas e encontramos o criminoso”, disse.

Em uma gravação de vídeo Ricardo confessa o assassinato e diz que matou porque descobriu uma traição. Veja vídeo:
Abr
04
2019

A Guarda Municipal da cidade de Lagoa de Pedras, cidade distante 57 quilômetros de Natal prendeu na noite desta terça-feira (02), o desempregado Ricardo Pereira Bezerra, de 35 anos. O morador de Natal é o principal suspeito de ter assassinado a companheira, Gisélia Silva, de 32 anos, no dia 10 de Dezembro de 2018, dentro de casa, na rua da Fé, no bairro Felipe Camarão. Ricardo confessou o crime.

De acordo com o Sargento Assis, comandante da Guarda o suspeito estava escondido em um local conhecido como “Casa de taipa”, próximo ao centro da cidade. “Já tínhamos informações sobre o indivíduo e que ele estava na cidade. Fizemos algumas buscas e encontramos o criminoso”, disse.

Em uma gravação de vídeo Ricardo confessa o assassinato e diz que matou porque descobriu uma traição. Veja vídeo:

 Portal BO