O Ibope divulgou a versão completa da pesquisa que mediu a aprovação do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que é, em março, um terço menor do que era em janeiro, uma oscilação negativa de 15 pontos percentuais, de 49% para 34% dos entrevistados.No levantamento, o instituto registrou que a aprovação do presidente oscila consideravelmente quando se observa a divisão por região e por idade, por exemplo. Os estados do Nordeste foram os que registraram a maior queda de apoio ao governo Bolsonaro. Em janeiro, 42% dos eleitores consideravam a administração “ótima” ou “boa”, número que passou a ser de apenas 23% em março, uma queda de dezenove pontos.

É quase o dobro do que o que foi registrado no Norte e no Centro-Oeste. No conjunto das duas regiões, apresentadas de forma unificada pelo Ibope, a aprovação caiu dez pontos, de 52% para 42%. Não há região em que o apoio ao governo tenha subido ou se mantido estável.

Veja