Está no Diário Oficial Eletrônico da Assembleia Legislativa deste sábado (23).

O presidente Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) promulgou a lei que garante o pagamento de 13º salário e de férias a todos os deputados estaduais do RN. A matéria foi aprovada no dia 26 de fevereiro e enviada para sanção ou veto da governadora Fátima Bezerra (PT).A petista não fez nenhuma uma coisa, nem outra. A sanção podia trazer-lhe desgaste político; o veto, embaraços com a Casa Legislativa. Jogou a bola para a própria AL.

Essa regulamentação também garante o pagamento retroativo do 13º salário e de férias para a antiga legislatura, inclusive para os que não foram reeleitos. Só aí já vai algo entorno de R$ 4,1 milhões aos cofres públicos.

Posição dos deputados
O deputado Alysson Bezerra (Solidariedade) declarou que vai doar décimo e férias a instituições de caridade. Kelps Lima (Solidariedade) afirmou que vai abdicar de receber o pagamento retroativo. Já Coronel Azevedo (PSL) afirmou que vai repassar para a Segurança Pública. E Sandro Pimentel (PSOL) destacou que só vai receber se os salários dos servidores estaduais estiverem em dia.


Do Saulo Vale